Fechar
destaque_imprensa

Imprensa

Artigo: Tecnologia impulsiona o Agronegócio

No mundo todo, a comunidade científica trabalha em busca de soluções inovadoras para o agronegócio. Focadas na ampliação da produtividade, na qualidade do cultivo e na versatilidade, essas alternativas estão sempre alinhadas também aos princípios da sustentabilidade.

Com o mercado globalizado, a agricultura evolui constantemente e os países desenvolvidos investem pesado em estudos, pesquisas e em tecnologia. Itens como a temperatura, a luz, a água, a umidade e outros fenômenos, que até pouco tempo dependiam apenas da natureza, hoje são controlados por equipamentos e estão disponíveis ao agricultor.

Experiências bem sucedidas que participei no México, na Holanda e no Canadá me estimularam a trazer para o Brasil uma alternativa até então inédita no país. Há um ano, iniciei os testes com a Base Universal para Substrato DaColheita, um sistema modular de suporte para plantio, produzido em isopor®, numa parceria que firmei com uma empresa catarinense, a Termotécnica.

Instalado em modernas estufas para cultivo de frutas, legumes, verduras e flores, a Base permite que as mudas sejam plantadas em substratos orgânicos ou inorgânicos, condicionadas em vasos, canteiros, jardineiras, slabs ou mesmo a granel, quando o produtor gosta de fazer a própria receita do substrato. Pode ser instalada no solo ou em suportes elevados, em cultivo protegido ou convencional. Possui canais de drenagem que permitem coletar a solução nutritiva drenada e reutilizá-la, gerando economia em adubação e água.

No isopor®, encontrei uma alternativa de longa durabilidade e com um excelente custo benefício. Por ser desmontável, o produtor pode comprar o tamanho de acordo com a sua necessidade. Leve e de fácil montagem, possui isolamento térmico.

O estudo técnico realizado até o momento no Centro de Tecnologia e Treinamento da EACEA – Projeto HORTICUNHA – demonstrou economia substancial do uso desta tecnologia na redução da mão de obra de instalação do substrato e da recuperação da solução drenada, tema importante por representar até 10% do custo de produção em um sistema hidropônico (com um substrato como a fibra de coco) em termos de reaproveitamento do fertilizante.

O Centro de Tecnologia e Treinamento da EACEA – projeto Horticunha – funciona em Cunha (SP), onde temos um hectare de estufas com diferentes cultivos e tecnologias, laboratório e sala de treinamento, onde realizamos treinamentos e validamos tecnologia.

Continuaremos atentos à melhoria dos produtos e ao incentivo ao produtor brasileiro, para que ele conheça e adquira tecnologia.

 

Andrés da Silva

Engenheiro Agrícola, M.Sc. Eng. Mecânico

Presidente do Centro de Tecnologia e Treinamento EACEA

Projeto HORTICUNHA

www.facebook.com/eacea

contato@eacea.com.br

12 3111 2464

 

Ver Todos